Diário Do Povo - Edição Eletrônica
quarta-feira, 16 de abril de 2014
RSS
Adicione aos Favoritos
29/11/201230/11/2012
Euro (Compra)  
Euro (Venda)  
Dólar Comercial (Compra)2,09862,1068
Dólar Comercial (Venda)2,09912,1074
Dólar Paralelo (Compra)2,19862,2068

16/4/2014 09:00:00 - Geral

PM sai às ruas com sete
operações contra o crime

clique para ampliar

Ao todo serão sete operações, algumas novas e outras que a PM já executa



Lançadas, ontem, no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar do Piauí, as Operações Planejadas da PM-PI que visam a reverter os altos índices de violência e homicídios re-gistrados no Estado em 2014. Ao todo, serão sete operações, sendo que a previsão é que comecem a partir de hoje. Para a execução das operações, será utilizado todo o corpo da Polícia Militar, que envolve as guarnições da RONE, Ciptran, Ronda Cidadão, BOPE, Gtap, Companhias Independentes de Policiamento e Força Tática.
O coronel Alberto Menezes, do Comando de Policiamento da Capital (CPC), apresentou as operações que ficarão sobre sua responsabilidade. "Ao todo serão sete operações, algumas novas e outras que a PM já executa. A operação Boa Noite Teresina, Fecha Teresina, Trânsito Seguro, Teresina Cidadania, Jornada Intensiva Rápida Ostensiva (JIRO) e a Operação ECA, que será realizada em parceria com o conselho tutelar e a DPCA", afirma.
De acordo com o coronel, a Operação Boa Noite Teresina já vem acontecendo, mas também entra no planejamento. Ela vai acontecer entre 2h30 e 4h30 da manhã, com rondas nos bares e casas de shows da cidade.
A Operação Cidadania acontecerá aos domingos e feriados e o objetivo é reduzir os altos índices de criminalidade nesses períodos. "Principalmente em residências, quando as pessoas viajam e os ladrões aproveitam para roubar as casas. O foco da operação é esse", afirma coronel Alberto. Nos finais de semana também será realizada a operação Trânsito Seguro, em parceria com a Companhia Independente de Trânsito (Ciptran), visando principalmente os casos de motoristas sob efeito álcool. 
Outra operação que também já vinha sendo executada e está de volta ao planejamento da Polícia Militar é a Fecha Tere-sina. Agora serão 36 pontos de policiamento nos três turnos e, segundo o comandante de policiamento da capital, tem surtido efeitos positivos e reduzido o número de homicídios na capital. Mensalmente, também devem ocorrer blitz de trânsito em pontos descentralizados, a partir da operação Formatura Opera-cional, realizada individualmente por cada batalhão.
Alem dessas, a operação JIRO deve contar com 18 motocicletas disponíveis para atuar em locais distintos da cidade. Segundo Alberto Menezes, a atuação das motocicletas será nos pontos mais críticos identificados pela polícia. 
Em parceria com o Conselho Tutelar e outros órgãos, a operação ECA pretende mo-nitorar se bares e casas de shows estão vendendo bebidas alcoólicas para crianças e adolescentes. A operação faz referência ao Estatuto da Criança e do Adolescente e pretende cumprir as normas estabelecidas no documento. (L.M.)





© ARPNET Tecnologia em Informações.