Diário Do Povo - Edição Eletrônica
quarta-feira, 22 de outubro de 2014
RSS
Adicione aos Favoritos
29/11/201230/11/2012
Euro (Compra)  
Euro (Venda)  
Dólar Comercial (Compra)2,09862,1068
Dólar Comercial (Venda)2,09912,1074
Dólar Paralelo (Compra)2,19862,2068

27/9/2013 09:00:00 - Política

Teresina deve perder mais de 
100 mil eleitores nas eleições

clique para ampliar

Firmino Filho faz o recadastramento biométrico: processo atrasado



A Justiça Eleitoral prevê uma abstenção de 20% nas eleições do ano que vem em Teresina devido ao atraso no recadastramento biométrico que está sendo realizado na capital. Significa que aproximadamente 107 mil dos mais de 500 mil eleitores de Teresina devem ficar sem votar no próximo pleito, porque não comparecem aos locais indicados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), para fazer o recadastramento biométrico e terão seus títulos eleitorais cancelados.
"Estamos na metade do prazo de recadastramento e apenas 44% dos eleitores que deveriam ser recadastrados compareceram até o momento. Mas, nos últimos dias, tem caído mais ainda e a previsão é que 20% não comparecerão de jeito nenhum e, por isso, terão os títulos cancelados. Em Teresina, isso corresponde a 107 mil eleitores", diz  Danilo Veras, coordenador do programa de recadastramento do TRE-PI.
O recadastramento biométrico está sendo feito em todo o país e permitirá o voto através das digitais, com mais rapidez e segurança. Danilo Veras afirmou que o atraso no recadastramento não ocorre somente de Teresina, mas em todos os municípios que estão realizando o recadastramento no país. "O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) trabalha com a meta de atingir 80%, pois já sabe que 20% será de abstenção", informou. Cerca de 246 mil eleitores ainda precisam se recadastrar. O TRE está instalando pontos de atendimento em órgãos públicos. Ontem, o prefeito Firmino Filho aproveitou para fazer o recadastramento biométrico na Secretaria Municipal de Administração, no Centro.
A Justiça Eleitoral está com pontos de atendimento em nove locais, que inclui os bairros Dirceu Arcoverde, Planalto Uruguai, Mocambinho, Morada Nova e outros. "Ainda faltam seis meses para acabar o recadastramento no Estado e estamos registrando um déficit de 170 mil eleitores. Mesmo assim conseguimos recadastrar já 50% dos eleitores da capital", informou o coordenador de triagem do TRE, Waldeck Moraes. 
Ao fazer o recadastramen-to, ontem, o prefeito Firmino Filho recomendou à população que atenda ao chamado da Justiça Eleitoral. "É bom que as pessoas compareçam logo aos locais de atendimento para não deixarem para última hora, e assim enfrentarem filas", observou. Firmino lembrou que o voto biométrico dá mais segurança ao pleito eleitoral. 


© ARPNET Tecnologia em Informações.